Ex-pilotos defendem Verstappen antes da audiência

Inscrições para concurso público da Polícia Civil encerram nesta quinta-feira – Portal do Governo de Mato Grosso do Sul
novembro 18, 2021
Moto G200 é anunciado com câmera tripla de 108 MP e tela de 144 Hz – Celular – Tecnoblog
novembro 18, 2021

Ex-pilotos defendem Verstappen antes da audiência


Max Verstappen e Lewis Hamilton

A FIA vai ouvir os argumentos da Mercedes no “direito de revisão” contestando a falta de punição para Max Verstappen por sua manobra no GP de São Paulo.

Uma videoconferência foi marcada para esta quinta-feira às 17h no Catar, com as imagens onboard do piloto da Red Bull no momento de sua controversa defesa de posição contra Lewis Hamilton sendo o elemento central.

Fontes da Red Bull dizem que a equipe está “surpresa” com o apelo da Mercedes, mas ainda não fizeram nenhum comentário adicional.

De acordo com o jornal Bild, o holandês – cuja vantagem no campeonato caiu para 14 pontos depois de Interlagos – poderia receber uma punição no grid para o Catar.

Uma penalização retroativa de cinco segundos é outra possibilidade; nesse caso, ele cairia para terceiro e ficaria apenas 11 pontos à frente de Hamilton.

“É claro que não havia nenhuma necessidade de punir alguém por aquilo”, afirmou Vitaly Petrov, ex-piloto de Fórmula 1. “Para defender sua posição, ele freou o mais tarde possível e estava claro que não entraria na curva normalmente”.

Outro ex-piloto, Karun Chandhok, concorda. Segundo ele, Verstappen usou a “clássica manobra de aliviar o pedal do freio e espalhar ligeiramente”.

“Todo bom piloto do planeta teria feito o mesmo”, disse o indiano. “Talvez Max merecesse uma advertência, mas nada mais, na minha opinião. Foi uma disputa boa e dura entre dois dos melhores pilotos da história”.

ATENÇÃO: Comentários com textos ininteligíveis ou que faltem com respeito ao usuário não serão aprovados pelo moderador.





Fonte da Notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *