Chefe do Xbox repensa parceria com Activision Blizzard após novo escândalo – Jogos – Tecnoblog

Torcida do São Paulo faz campanha na web pela renovação de Arboleda – Lance
novembro 19, 2021
Pré-temporada de tradicional clube será adiada por falta de atletas – Lance
novembro 19, 2021

Chefe do Xbox repensa parceria com Activision Blizzard após novo escândalo – Jogos – Tecnoblog

A Microsoft está repensando sua parceria comercial com a Activision Blizzard, após novas denúncias envolvendo até mesmo Robert “Bobby” Kotick, o CEO da companhia de Call of Duty e World of Warcraft. De acordo com a Bloomberg, Phil Spencer, chefe da divisão Xbox, está profundamente perturbado pelos acontecimentos e ações tomadas.


Spencer está preocupado com situação na Activision (Imagem: Divulgação/Microsoft)

Segundo uma nova investigação do The Wall Street Journal, publicada na última terça-feira (16), Bobby Kotick sabia dos abusos que acontecem com funcionários na Activision Blizzard desde 2018, mas preferiu ignorar as denúncias. Isso gerou uma nova onda de escândalos, com funcionários e parte da imprensa pedindo a renúncia do executivo.

Ainda de acordo com a reportagem, Kotick ignorou várias denúncias e, em alguns casos, ofereceu acordos extra-judiciais com as vítimas, para que tudo fosse jogado embaixo do tapete e o assunto fosse esquecido, sem grandes danos à empresa.

A declaração de Spencer não foi pública e teria sido dita internamente, entre funcionários e sócios da Microsoft. O executivo supostamente disse ainda que está “avaliando todos os aspectos do relacionamento com a Activision Blizzard e fazendo ajustes pró-ativos contínuos”, indicando que, se tudo continuar como está, as duas empresas podem romper relações.

Hoje, jogos da Activision Blizzard são alguns dos principais que fazem grande sucesso nas plataformas Xbox, como Call of Duty e Diablo.

Sony também reagiu

É também uma reportagem da Bloomberg que indica reação similar na Sony. Jim Ryan, chefe da divisão PlayStation, teria conversado com seus funcionários e expressado preocupação com a situação.

O texto relata que Ryan afirmou que não acredita que as medidas que a Activision Blizzard tomou sejam suficientes para lidar com a situação.

Não se sabe como isso pode afetar tanto PlayStation quanto Xbox no futuro, mas é certo que a situação da Activision Blizzard piora a cada dia que se passa e nada de concreto é feito.

Com informações: The Verge.

Fonte da Notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *