‘Amistosos de luxo’ podem servir para Léo Santos voltar ao time titular do Corinthians – Lance

Nova fábrica vai gerar ganho ambiental, social e econômico para MS, avalia setor – Portal do Governo de Mato Grosso do Sul
maio 19, 2021
ROG Phone 5, celular gamer da Asus, é homologado pela Anatel | Celular
maio 19, 2021

‘Amistosos de luxo’ podem servir para Léo Santos voltar ao time titular do Corinthians – Lance


Já eliminado na Copa Sul-Americana, o Corinthians pode usar as duas últimas rodadas do grupo E no torneio continental para dar rodagem a alguns atletas, entre eles o zagueiro Léo Santos, que não é titular há mais de dois anos.

E a última vez que começou jogando uma partida, nem foi com a camisa do Timão, mas durante o seu empréstimo para o Fluminense, em 2019, quando já nos acréscimos de um clássico contra o Flamengo, pelo Campeonato Carioca, sofreu uma lesão no joelho direito e teve que passar por cirurgia. Meses depois, já devolvido ao Alvinegro do Parque São Jorge, Léo voltou a ter problemas na mesma região e precisou ser encaminhado para novo procedimento.

Recuperado completamente no início desta temporada, o defensor foi relacionado para cinco jogos, entrando em três, mas todos nos minutos finais. No total, são 10 minutos em campo até aqui: um contra Ituano e Santos e oito diante do Novorizontino, todos os compromissos pelo Campeonato Paulista.

Pela Sul-Americana, Léo Santos foi relacionado na goleada sofrida de 4 a 0 pelo Timão para o Peñarol (URU), pela quarta rodada do grupo E, na última quinta-feira (13), que culminou na eliminação matemática do Corinthians da competição, abrindo assim possibilidade de um time além do alternativo contra Sport Huancayo (PER) e River Plate (PAR), nos dois últimos jogos corintianos pelo campeonato, e em um deles o camisa 13 sentir novamente o gosto da titularidade.

O último jogo em que Léo Santos iniciou com a camisa corintiana foi no dia 30 de janeiro de 2019, quando o Timão, na Neo Química Arena, foi derrotado por 2 a 0 pelo Red Bull Brasil, na quarta rodada do Paulistão daquele ano.

>> Confira a tabela da Sul-Americana e simule os jogos do Timão

Novo projeto

Demitido, após a eliminação corintiana do Campeonato Paulista no último domingo (16), ao perder por 2 a 0 para o Palmeiras, em Itaquera, o técnico Vagner Mancini já havia admitido publicamente que Léo Santos era a sexta opção da zaga corintiana, atrás de Bruno Méndez, Gil, Jemerson, Gil e Raul.

Contudo, antes de sair, o agora ex-treinador deixou o time com boas atuações com um sistema com três defensores, o que aumenta o leque de possibilidades para atletas da posição, como Léo Santos.

Se o novo comandante, ainda não definido pela diretoria corintiana, optar pela manutenção desse esquema de jogo, Léo pode ganhar ainda mais espaço, já que Jemerson não deve permanecer no clube. O contrato do defensor termina no fim de junho e, até o momento, não houve conversar para renovação.

Situação defensiva

Nos últimos quatro jogos, o Corinthians sofreu outo gols. Já se contabilizarmos todos os compromissos corintianos nesta temporada, foram 19 tentos sofridos em 20 partidas.



Fonte da Notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *